21.1 C
Osasco
25 de outubro de 2020
Osasco

Prefeitura reforça fiscalização sobre o cumprimento das regras no combate a covid-19

A Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Osasco iniciou na quinta-feira, 20/8, um reforço na fiscalização sobre o cumprimento das regras no combate a covid-19, com o apoio da Guarda Civil Municipal. As equipes atuarão, principalmente, na conscientização dos comerciantes, que deverão estar atentos às regras, como medição da temperatura no acesso aos estabelecimentos, disponibilização de álcool em gel e evitar as aglomerações.

No sábado, 22/8, os agentes estiveram no Calçadão da Rua Antônio Agú. Participaram da ação, 90 alunos da Guarda Civil Municipal, que foram orientados sobre como abordar os comerciantes e orientar a população. A ação foi acompanhada pelos fiscais da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico.

O reforço na fiscalização ocorre durante a semana, das 9h às 21h, e aos sábados, das 16h às 22h, no Calçadão da Rua Antônio Agú, Rua Dona Primitiva Vianco e proximidades, onde há concentração de estabelecimentos comerciais.

A equipe de fiscalização também esteve no bairro de Presidente Altino para vistoriar e orientar os donos de bares a respeitarem o horário de funcionamento e as regras de higiene nesse período de pandemia. Osasco está na fase amarela do Plano São Paulo, que prevê funcionamento de bares, restaurantes, salões de cabeleireiro, barbearias, academias e escritórios. No entanto, para permanecer ou avançar de fase, é preciso que todos respeitem as regras, como higienização das mãos, uso de máscara e evitar aglomerações.

Caso constate o descumprimento das medidas exigidas pela Prefeitura na fase amarela do Plano São Paulo, os fiscais da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico podem lacrar o estabelecimento. 

Posts Relacionados

Osasco participou do Campeonato Nacional de Ginástica Artística, em Santos, e voltou pra casa com a PRATA

Alessandro Belcorso

I Encontro de Direito Tributário acontece no Unifieo

Redação

Com R$ 170 milhões de dívida prédio da Unifeo vai a leilão amanhã

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO