15 C
Osasco
18 de junho de 2021
Cajamar Saúde

Pessoas com comorbidades devem levar cópia de laudo médico quando forem vacinar

A medida tem como objetivo evitar fraudes de pessoas que tentam passar na frente sem pertencer aos grupos prioritários.
Pessoas com comorbidades devem levar cópia de laudo médico quando forem vacinar. Foto: Prefeitura de Cajamar

A partir dessa semana, a Secretaria de Saúde solicita uma cópia da declaração, receita ou laudo médico de pessoas com comorbidades que forem receber a primeira dose de vacinas contra a COVID-19. A medida foi estabelecida seguindo orientações do Ministério Público, e tem como objetivo evitar fraudes de pessoas que tentam passar na frente, sem pertencer aos grupos prioritários.

A nova determinação entrou em vigor nesta segunda-feira (31). Com isso, é preciso que no momento da vacinação a pessoa leve junto uma cópia da receita ou laudo médico para que seja anexado no cadastro. Continuará sendo necessário também a apresentação de comprovante de residência do município e documento com foto.

Esse novo critério será utilizado em todos os municípios de São Paulo, visando garantir que a imunização está sendo aplicada rigorosamente apenas nos grupos prioritários liberados. Caso seja detectado qualquer tipo de irregularidade, será iniciado um processo civil/criminal, com encaminhamento para providências do Ministério Público (MP).

Posts Relacionados

Sepaco investe em atendimento e expande ambulatório para Centro Médico

Bruno Schwabenland

Elitização da vacina: clínicas particulares negociam compra de 5 milhões de vacinas

Mariana Domin

Osasco agora tem Centro de Referência em Diabetes

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/