20.3 C
Osasco
15 de maio de 2021
Empregos Osasco

Osasco tem saldo positivo na geração de empregos no primeiro trimestre de 2021

Apesar do momento de retração econômica do país por conta da pandemia do coronavírus, a economia de Osasco mostra sinais de recuperação.
Osasco tem saldo positivo na geração de empregos no primeiro trimestre de 2021. Foto: Marcelo Deck

Apesar do momento de retração econômica do país por conta da pandemia do coronavírus, a economia de Osasco mostra sinais de recuperação. Isso se dá em parte aos investimentos da atual gestão municipal em melhorias na infraestrutura urbana nos últimos quatro anos. Tais ações, combinadas a outros fatores, têm atraído mais empresas e gerado novos postos de trabalho na cidade.

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, apontam que no acumulado do primeiro trimestre deste ano (janeiro a março), a cidade teve variação positiva de 2,95% na geração de novas vagas com carteira assinada. O saldo acumulado é de 4.529 contratados. No período, foram feitas 19.348 admissões e 14.819 desligamentos.

Os números reforçam a tendência de retomada da economia osasquense, sobretudo a partir do segundo semestre de 2020, apesar de pequenas oscilações ao longo dos meses. No acumulado dos últimos 12 meses (abril/2020 a março/2021), o saldo também é positivo (3,73%), com a abertura de 5.693 novas vagas.

A geração de novos empregos na cidade se explica não só pelo trabalho da administração em políticas fiscais visando atrair novas empresas, mas também pelos investimentos em infraestrutura, como o recapeamento nos últimos quatro anos de mais de 200 quilômetros das principais vias da cidade (centro e bairros), além da nova iluminação pública com lâmpadas de LED e reforço na segurança, com a contratação de novos guardas municipais, criação da ROMU e instalação de câmeras de monitoramento em diversos pontos do município.

Somados, tais fatores contribuem para que as empresas se sintam mais seguras para investir na cidade, que tem a segunda maior economia no Estado e a oitava do País.

O fato de Osasco estar geograficamente situada em uma região margeada por rodovias como a Castello Branco, Anhanguera, Raposo Tavares e Rodoanel Mário Covas, também contribuiu para o interesse do setor privado na cidade em razão da maior facilidade para a logística quanto à chegada de insumos e, consequentemente, a produção, transporte e distribuição do produto já pronto para consumo.

Além de ter aberto as portas para a chegada de dezenas de empresas nos últimos anos, entre as quais Mercado Livre, iFood e Rappi, Osasco segue atraindo novos segmentos comerciais, como a Havan, a Mercadocar e de outra unidade do Supermercado Rossi.

Posts Relacionados

Osasco participa da Semana de Sustentabilidade Ciclo Siete 2021

Bruno Schwabenland

Osasco oferece cursos de qualificação profissional online

Redação

Acidente na entrada da cidade deixa o trânsito um caos

Alessandro Belcorso

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/