24 C
Osasco
21 de outubro de 2020
Cidades Osasco

Osasco, Barueri e Região vão para a “Fase Verde” do “Plano São Paulo”

Começa a valer amanhã(10) e vai até o dia 16 de Novembro, para uma nova avaliação

O Plano São Paulo tem cinco fases e vai da vermelha, mais restritiva, passando pela laranja, amarela, verde, até a azul, chamada de “normal controlado”. Para chegar à fase verde a região precisa estar na amarela há 28 dias.

Apesar da liberação, as prefeituras têm autonomia para decidir o que e quando deve reabrir.

O que muda na fase verde?

  • Shoppings e comércio de rua podem abrir por 12 horas e com aumento da capacidade para 60%;
  • Após 28 dias de estabilidade, eventos convenções e atividades culturais podem ser realizados com público em pé, mas com obrigação de controle e hora marcada.
  • Bares e restaurantes também podem abrir por 12 horas, desde que iniciem as atividades depois das 6h e terminem às 22h, com permanência no local até 23h;
  • Salões de beleza e barbearia podem abrir por 12 horas e com aumento da capacidade para 60%;
  • Academias de esporte de todas as modalidades e centros de ginástica podem abrir por 12 horas e com 60% de capacidade;

Plano São Paulo

O Plano São Paulo, que regulamenta a quarentena em todo o estado, classifica as regiões do estado em cores, determinando quais locais podem avançar nas medidas de reabertura da economia.

Para começar a reabertura do estado em 1º de junho o governo dividiu o território de acordo com as 17 Divisões Regionais de Saúde (DRS).

A Grande São Paulo foi subdividida em outras 6 regiões, uma para a capital e outras 5 para cada grupo de cidades da Região Metropolitana. A flexibilização da quarentena é feita de modo diferente em cada uma dessas regiões.

Três regiões de SP têm aumento de mortes, mas nova regra do governo Doria impede endurecimento de quarentena

Os critérios que baseiam a classificação das regiões são:

  • Ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTIs);
  • Total de leitos por 100 mil habitantes;
  • Variação de novas internações, em comparação com a semana anterior;
  • Variação de novos casos confirmados, em comparação com a semana anterior;
  • Variação de novos óbitos confirmados, em comparação com a semana anterior.
  • Na fase verde também é considerado óbitos e casos para cada 100 mil habitantes;
  • Regiões que atingirem as fases 3 (Amarela) ou 4 (Verde) permanecerão nessas fases desde que tenham indicadores semanais inferiores a 40 internações por Covid-19 a cada 100 mil habitantes e 5 mortes a cada 100 mil habitantes.

Veja as principais regras de cada fase:

  • Fase vermelha: Permitido o funcionamento apenas de serviços essenciais.
  • Fase laranja: Também podem reabrir imobiliárias, concessionárias, escritórios, comércio e shoppings podem reabrir, mas com restrições.
  • Fase Amarela: Também podem reabrir salões de beleza, bares, restaurantes, academias, parques e atividades culturais com público sentado podem funcionar, mas com restrições.
  • Fase verde: Também podem reabrir eventos, convenções e atividades culturais com público em pé poderão voltar a acontecer quando houver uma estabilidade de quatro semanas do estado de São Paulo na fase verde (4), também com restrições.

Posts Relacionados

Osasco poderá contratar organizações sociais para atividades culturais e esportivas

Alessandro Belcorso

Vereador De Paula é mais um condenado na Operação Caça-Fantasma

Redação

Futsal feminino disputará 1ª edição da Copa dos Campeões em Lages

Joyce Araújo

DEIXE UM COMENTÁRIO