14.3 C
Osasco
25 de julho de 2021
Itapevi

Operação Verão retira 48 mil toneladas de sujeira de rios e córregos de Itapevi

Limpeza e desassoreamento foram feitos em pontos estratégicos onde há mais riscos de alagamento
Fotos: Célio Júnior/PMI e Pedro Godoy/ ExLibris/PMI
Pneus, sofás, geladeiras e móveis em geral foram retirados de rios e córregos de Itapevi, por agentes da Prefeitura durante a Operação Verão, iniciada em agosto para combater e prevenir enchentes na cidade. Ao todo, já foram retiradas 48 mil toneladas de objetos, sujeira e terra, em três meses de operação.
O trabalho, realizado por agentes da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos, consiste na limpeza e no desassoreamento de rios, córregos e afluentes em diversos pontos do município.
A quantidade de material impróprio retirada dos rios e córregos equivale a 3,2 mil caçambas de caminhões cheias. Na prática, em cada dia de trabalho, as equipes têm recolhido cerca de 800 toneladas de material assoreado.  A limpeza acontece em uma área de cerca de 8 quilômetros.
Os serviços da Operação Verão continuam até o final de novembro e são executados com recursos do próprio município. Fora deste período, os serviços de conservação são permanentes, por meio da limpeza de bueiros, desbloqueio de curvas de rio e ações pontuais após chuvas volumosas.
Prevenção
Para combater e prevenir a cidade contra enchentes, técnicos da Prefeitura realizaram levantamento e mapearam estrategicamente áreas com maior incidência de alagamentos, entre elas a região central, Rainha, Vila dos Mineiros, Portela e São Carlos.
A ação é importante porque além de evitar alagamentos futuros, auxilia em questões preventivas de saúde pública, uma vez que evita doenças oriundas da margem de rios, dos córregos e de afluentes.
As intervenções tiveram início em agosto por conta do período de seca, ou seja, em que há poucas chuvas. Os trabalhos consistem na dragagem e limpeza realizada no fundo dos rios, córregos e afluentes de áreas afetadas pela chuva na cidade, além da retirada de areia, sujeira e objetos depositados na calha destes locais e também nas margens dos rios.
Para os trabalhos de desassoreamento onde há acesso dos maquinários estão sendo utilizadas duas máquinas PC escavadeiras hidráulicas, uma de braço longo, oito caminhões basculantes e uma retroescavadeira. Cerca de 30 homens trabalham operando as máquinas durante a Operação, além de na limpeza das margens.
Nas áreas onde não for possível acessar com maquinário, as equipes de zeladoria urbana compostas por cerca de 20 homens realizam a poda e corte do mato e retirada de pneus, lixo e entulho.
O material recolhido será encaminhado para um local apropriado para um bota fora legalizado e autorizado para recebimento destes materiais.
“É importante também que os moradores nos ajudem mantendo sempre as áreas dos rios limpas e não descartando lixo e entulho nos córregos”, reforça integrante da equipe de limpeza da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos.

Posts Relacionados

Itapevi realiza audiência pública para debater concessão dos serviços de ônibus

Bruno Schwabenland

Obras do Parque da Cidade serão concluídas em julho

Redação

Prefeitura realiza 3ª Pedalada pelo Meio Ambiente

Joyce Araújo

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/