19.6 C
Osasco
17 de abril de 2021
Vampeta - Histórias do Velho Vamp

O Valencia tentou me comprar achando que eu era holandês

Jasper Juinen / Reuter

Galera, já contei aqui  a origem do meu apelido. Eu era muito novo, passei a ficar no alojamento do Vitória e não tinha os dentes da frente. Então, os meus amigos Elialdo e Cesinha começaram a me chamar de Vampeta, uma mistura de vampiro com capeta.

Essa semana, conversando com os jornalistas João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana no UOL, lembrei de uma situação que  eu acabei passando na Europa.

Por ocasião do destino, seis anos depois de ter ganhado o apelido, eu fui jogar logo na Holanda. Lá, vocês sabem, tudo é “Van” – Van Basten, Van der Vaart, Van Persie, Van der Sar e VAM PETA 😂

A passagem pelo PSV Eindhoven foi excelente. Fomos campeões nacionais, ganhamos duas Copas da Holanda… Logo depois disso, o Valencia, da Espanha, tentou me comprar achando que eu era holandês 😂

Quando eles viram o passaporte brasileiro desistiram da negociação porque seria mais um estrangeiro no elenco. Pelo nome, pensaram que eu era europeu, sabe… Vam Peta 😂

Fui!

Velho Vamp

Posts Relacionados

Histórias do Velho Vamp: Domingos e a sua elegância

Vampeta

Já levei seis mulheres para Paris e não tive problemas

Vampeta

A marra de Romário nas eliminatórias da Copa de 2002

Alessandro Belcorso

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/