18.3 C
Osasco
21 de junho de 2021
Artes Visuais Brasil

“I Prêmio Marcello Grassmann” – artes gráficas tem inscrições abertas para gravadores de todo o País

Evento foi concebido como apoio criativo e financeiro para a classe artística
Mulher Lito. Foto: Divulgação (e-flyer)

O Núcleo de Estudos Marcello Grassmann anuncia o “I Prêmio Marcello Grassmann” – artes gráficas, que tem inscrições abertas de 07 de março a 07 de abril de 2021, para trabalhos inéditos em gravuras produzidas por artistas gráficos. Os três selecionados terão acompanhamento com as juradas artísticas, receberão R$ 8 mil cada e terão suas obras expostas na XXIX Semana Cultural Marcello Grassmann, que acontece online em set/2021.O artista deverá apresentar um projeto para a produção em gravura, podendo abranger técnicas em gravura em metal, xilogravura, litografia ou híbrida, com tiragem acima de duas cópias.

O evento é uma realização do Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura e Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, produção do Núcleo de Estudos Marcello Grassmann e apoio da Prefeitura de São Simão, no interior de São Paulo.

Juradas
A seleção dos participantes fica a cargo do corpo de juradas composto pela artista visual Maria Bonomi, a pensadora Mayra Laudanna e artista visual e professora Luise Weiss, que farão o acompanhamento através de conversas, reuniões online para trocas ou até mesmo correspondências, reflexões sobre o processo de criação da obra. Todo processo do projeto, como inscrição, seleção, acompanhamento da produção das gravuras, exposição e premiação acontece de forma digital.

Inscrições devem ser realizadas pelo site: www.nucleomarcellograssmann.org.br/premio

“Durante a trajetória do Núcleo, conquistamos um público bem diversificado composto por crianças, jovens e adultos. A formação desse público vem acontecendo por meio de nossas ações culturais e artísticas durante as Semanas Culturais, pelas ações educativas promovidas junto a alunos e professores do Ensino Básico em São Simão e também em espaços públicos de São Paulo. Como parte de nossas ações, realizamos a nossa primeira publicação, o “Livro dos Afetos”, publicado em 2019 (finalista Prêmio Jabuti), e agora a criação do “I Prêmio Marcello Grassmann” – artes gráficas”, Zizi Baptista, idealizadora e fundadora do Núcleo de Estudos Marcello Grassmann.

Sobre as juradas artísticas
Maria Bonomi
Juradas artísticas: Maria Bonomi – Foto: © juanesteves

Nasceu em Meina/Itália, em 1935. Vive e trabalha em São Paulo. Opta pela nacionalidade brasileira em 1953, formando-se em desenho na Universidade de Columbia, Nova York, em 1956, tornando-se artista plástica. A xilogravura é a linguagem escolhida e mais utilizada, mas também atuou na cenografia (principalmente ao lado do diretor Antunes Filho), esculturas e muitos desdobramentos, o que a caracterizou como uma artista de múltiplas atividades, como figurinista, muralista, curadora, escultora e professora. Seu trabalho é peculiar e possui um olhar contemporâneo, aberto a criações e possibilidades na gravura. Em 1955, expôs ao lado seu mestre Lívio Abramo e dos artistas Edith Behring e Marcello Grassmann.

Mayra Laudanna


Importante pensadora sobre arte, Mayra possui graduação em Licenciatura Plena em Desenho e Educação Artística pela Faculdade de Música e Educação Artística Marcelo Tupinambá (1979), graduação em Licenciatura Curta em Educação Artística pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo (1977), graduação em Pedagogia, especialidade Administração Escolar e Orientação Educacional, pela Faculdade de Educação Piratininga (1981). Possui, ainda, mestrado em Filosofia pela Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (1990) e doutorado em Filosofia pela Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (1997). Atualmente, é docente do Instituto de Estudos Brasileiros da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Artes, pintura, escultura, gravura. Dedica-se, atualmente, aos estudos teóricos e históricos sobre gravura e escultura brasileiras e livros de artista.

Luise Weiss
Juradas artísticas: Luise Weiss. – Foto: Divulgação

Nasceu em São Paulo/SP, em 1953, onde vive e trabalha. Formada em Artes pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo. Pós-graduada em poéticas visuais, mestrado, doutorado, pós-doutorado e livre docência pela ECA-USP. Leciona as disciplinas de Desenho e Gravura no Instituto de Artes da Unicamp – Campinas desde 1997, Universidade Mackenzie e no curso de Mestrado em Artes Visuais da Faculdade Santa Marcelina. Participou de inúmeras exposições, individuais e coletivas, no Brasil e exterior, conquistando diversas premiações, entre elas a Bolsa Vitae de Artes. Entre as mostras destacam-se: “Jovens Gravadores Brasilenõs”, galeria Juan Martin, Cidade de México, México, 1976; “Jeune Gravure Contemporaine”; França e Iugoslávia, 1987; “Jovem Gravura Brasileira”, Amadora, Portugal.Sobre o Núcleo de Estudos Marcello Grassmann
É uma instituição sem fins lucrativos, criada em 2017, tem como objetivos preservar a memória do artista Marcello Grassmann (1925-2013), promover a pesquisa da sua obra por meio de mesas de estudo, debates, gravação de entrevistas, como também a difusão de seu acervo através de seu site e canais digitais, publicações de livros e exposições cumprindo um importante papel às artes gráficas brasileira.

Idealizado pela gravadora Ana Elisa (Zizi) Baptista (companheira do artista por 17 anos), acompanhada pela gravadora Nina Kreis (aprendiz de Marcello) e o músico Paulo Grassmann (filho do artista), fundaram o espaço, que ainda conta com a participação da produtora cultural Paula Miranda e a arte educadora Marili Serafini, localizado no centro de São Paulo.

Marcello Grassmann, reconhecido como um dos protagonistas das artes gráficas no Brasil, assim, exemplificam os muitos prêmios que lhe foram atribuídos nos mais de 60 anos de atividade dedicados à gravura e ao desenho. A obra se faz presente em museus brasileiros, internacionais e coleções particulares, uma parcela dela permaneceu em propriedade do artista durante toda sua vida.

Esse acervo foi legado a Zizi Baptista, que decidiu não apenas preservá-lo, mas também ampliá-lo por meio de aquisições totalizando aproximadamente 2000 obras, incluídos também entalhes, matrizes, ferramentas e objetos pessoais, além da biblioteca particular do artista e livros com referências a este e sua geração.

SERVIÇO RÁPIDO
“I Prêmio Marcello Grassmann” – artes gráficas
juradas: 
Maria Bonomi, Mayra Laudanna e Luise Weiss
inscrição: 07/03-07/04/2021
site: www.nucleomarcellograssmann.org.br/premio
divulgação pré-seleção: 02/05/2021
divulgação finalistas: 09/05/2021
produção das obras: 01/06-26/07/2021
mostra XXIX Semana Cultural Marcello Grassmann: 23/09-02/10/2021

Núcleo de Estudos Marcello Grassmann
equipe:
 Zizi Baptista, Nina Kreis, Paula Miranda, Marili Serafini e Paulo Grassmann
site: nucleomarcellograssmann.org.br
ig: @nucleomarcellograssmann
fb: /nucleomarcellograssmann
youtube: Núcleo Marcello Grassmann

Confira as fotos:
Marcello Grassmann
sem título, 1953
xilogravura, 4/20
Marcello Grassmann
sem título, s/d
gravura em metal, água forte, água tinta, buril, ponta seca, raspador e brunidor
40×60 cm

 

Posts Relacionados

Jairo Bolsonaro foi esfaqueado em ato político

Alessandro Belcorso

Trânsito mata mais do que crimes violentos em dez estados

Redação

Saiba quais são as principais notícias do Brasil e do Mundo

Alessandro Belcorso

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/