31.6 C
Osasco
28 de outubro de 2020
Brasil

Golpe promete vale-combustível da Petrobras na pandemia de Covid-19

Circula pelo WhatsApp um texto com a promessa de que a Petrobras vai doar combustível para trabalhadores.

 

Um link direciona para uma página com a informação de que, com o isolamento social causado pela pandemia de Covid-19, os tanques de armazenamento teriam chegado ao limite máximo de capacidade. Para contornar o problema, a empresa estaria oferecendo três meses de combustível grátis para quem estiver trabalhando nesse período

Imagem ilustrativo

 

“A Petrobras não tem mais onde guardar combustível. Vão doar para os trabalhadores”

Texto de post que circulava pelo WhatsApp em 30 de abril de 2020

 

Trata-se, na verdade, de um golpe para roubar informações do usuário. A assessoria de imprensa da Petrobras afirmou, em nota, que não está fazendo nenhuma distribuição gratuita de combustível para a população. “Ao clicar em um link desta mensagem, seus dados poderão ser roubados por pessoas mal-intencionadas que estão se aproveitando do momento da pandemia da Covid-19. Confira sempre nossos canais oficiais para verificar a veracidade de promoções e convites suspeitos”, diz o texto.

A fraude foi desenvolvida para funcionar em celulares e usa indevidamente o logo do programa de fidelidade Premmia. Ao clicar no link, a pessoa é direcionada para um site com a seguinte mensagem: “Devido às medidas de isolamento social para conter a propagação do novo coronavírus, os tanques de armazenamento da Petrobras chegaram ao seu LIMITE MÁXIMO DE CAPACIDADE. A solução encontrada pela empresa foi a de oferecer 3 MESES DE COMBUSTÍVEL GRÁTIS para todos os profissionais que ainda estejam desempenhando suas funções”. Logo abaixo, há um campo para inserir o nome e a profissão. Ao pressionar o botão “Consultar”, uma nova página é exibida, com a mensagem de que o vale-combustível está disponível.

O usuário então clica em “Solicitar vale” e chega a uma página que pede para que a mensagem seja compartilhada com familiares e contatos no WhatsApp. Há vários comentários de perfis falsos logo abaixo, com perguntas respondidas por “Mayra Campos, da Petrobras”, sobre o suposto benefício. Alguns desses usuários revelam ter conseguido o combustível com rapidez. Outros dizem achar que não têm direito ao vale, mas são convencidos do contrário – numa tentativa de dar credibilidade para o golpe.

Na página seguinte, cada clique no botão “Avançar” leva ao WhatsApp, direto para a área em que se faz o compartilhamento da mensagem da fraude. “Seus dados são confidenciais! Para ter acesso à página de desbloqueio, divulgue nosso portal!”, avisa o site. Esse processo é repetido dez vezes, até que uma barra, na parte inferior da página, fique verde.

Ao final, o usuário é direcionado para um site malicioso, que tenta roubar as suas informações por meio de uma promoção. É girada uma roleta que revela um prêmio. Para conseguir o resgate, a pessoa precisa preencher um formulário com dados como nome completo, data de nascimento e número do celular, que vão ser usados depois pelos golpistas.

Por: Maurício Moraes / Agênicia Lupa

Posts Relacionados

Desfile de 7 de Setembro mobilizará 15 mil alunos da Rede Municipal

Alessandro Belcorso

Governadores e Prefeitos em Alerta: Moro manda PF apurar desvio de verbas destinadas ao combate ao coronavírus

Redação

Coronavírus, um país em alerta

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO