20.5 C
Osasco
8 de março de 2021
Cultura

Frutos do gueto

Poemas são como flores: nascem até mesmo em meio a pedras e ao caos.

Frutos do Gueto

Quem te enganou
Dizendo que do gueto
Não nasce flor
Poesia e amor?

Quem te disse isso
Que o gueto não tem encanto
E também
Pontos turísticos?

Em meio a tantas vielas
Batem muitos corações
No gueto também tem romances
De lá também surgem canções

O gueto não é só dor
Assalto, bala e pavor
O gueto também tem risada
Crianças, muita batucada

Já vi a morte no gueto
Em becos, ruelas que passei
Vi também nascimentos
Filhos de gente do bem

Já vi de tudo na vida
Na zona sul, bandidagem
E aqui dentro do gueto,
Muita amizade e bondade

No gueto também nasce flor
Mas se fores no meu quintal
Verás poemas brotando
O gueto frutificando.

 

Posts Relacionados

Beto Parro e Rafa Moritz traz o espetáculo “InconscienteMente” em live especial para os CEUS das Artes de Osasco

Renan Guerreiro

Choque de realidade

Claudia Lundgren

Teatro da Vertigem apresenta espetáculo no SESC Osasco

Alessandro Belcorso

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/