19.8 C
Osasco
21 de abril de 2021
Brasil Viagens

Fim de ano: como aproveitar as férias com segurança

Recentemente, o Brasil registrou recorde de 70 mil casos de Covid-19. Sendo assim, aproveitar as férias se tornou muito mais difícil. Ainda que especialistas tentem orientar, sabemos que a população não vê a hora de viajar. Entretanto, não há como negar que ficar isolado é uma medida necessária. Pensando nessas questões, eu trouxe dicas sobre o que fazer neste momento de lazer, seja em casa ou não.

Viajar ou não: eis a questão!

A responsabilidade é sua, não importa a escolha. Quando pensamos em viagem, imaginamos um cenário que não condiz mais com o atual. O que podemos fazer, principalmente, é escolher locais isolados. Uma casa no campo, fazenda, passeios ao ar livre e sem aglomerações é o indicado. Lembre-se sempre de optar por locais próximos, e encontros com poucas pessoas. Cidades próximas são boas opções, sem esquecer da máscara, álcool em gel, distanciamento social e tapetes sanitizantes, estes utilizados para desinfecção de calçados.

Estou em casa: o que eu faço?

Calma! Eu sei que, sem viajar, tudo em casa parece monótono. É a hora de aprender coisas novas, como pintura, desenho, novas línguas ou até eventos virtuais, como lives que combinem com sua vocação profissional, por exemplo.

Chegou o momento de incentivar a leitura, buscar novos autores, assistir filmes e documentários diferentes ou, quem sabe, escrever o seu roteiro! Produzir um livro, participar de concursos digitais e, inclusive, se inscrever naquelas aulas gratuitas, naqueles cursos que aparecem nos anúncios e você sempre pula. Talvez seja o momento de se aliar ao novo, se reinventar no trabalho, gravar vídeos, se expressar de alguma forma! Criar os seus jogos de tabuleiro, aprender artesanato, dançar solitário.

As opções são vastas, e é uma segurança a mais. Quando comprar algum produto – caso você seja o consumista da pandemia – nunca esquecer de higienizar. O importante mesmo é manter a higiene, lavar as mãos e não entrar em pânico.

Nestas férias, nem tão esperadas assim, muitos conceitos mudaram. A tranquilidade virou luxo, e o cuidado com a saúde mental se torna essencial. Nunca esqueçam de buscar auxílio, mesmo nas férias. O vírus não sumiu, mas a vida precisa continuar.

Posts Relacionados

Bolsonaro lidera com 26% e Haddad tem 6% em cenário sem Lula, mostra pesquisa; rejeição de Alckmin aumenta

Alessandro Belcorso

Golpe promete vale-combustível da Petrobras na pandemia de Covid-19

Redação

Com vetos, Bolsonaro sanciona MP que flexibiliza ano letivo

Bruno Schwabenland

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/