18.1 C
Osasco
24 de novembro de 2020
Esporte

Em noite “muito abaixo”, Osasco perde para o Minas na Superliga Feminina

O Itambé Minas (MG) foi superior ao Osasco-Audax (SP) na noite desta sexta-feira (15.02) no confronto válido pela sétima rodada da Superliga Cimed feminina de vôlei 2018/2019. Em casa, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), com o apoio de sua torcida, o atual líder da competição levou a melhor por 3 sets a 1 (25/13, 25/18, 27/29 e 25/20).

 

Com a vitória por este placar, o Itambé Minas somou mais três pontos e chegou a 50 na classificação, com 17 vitórias e apenas uma derrota no campeonato. O Dentil/Praia Clube (MG) segue em segundo lugar, com 47, seguido pelo Sesc RKJ, que tem 37, mas que ainda joga nesta rodada.

A oposta Bruna teve atuação de gala nesta noite e foi a jogadora mais votada pelos torcedores no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). Com 63,7% dos votos recebidos, Bruna recebeu o Troféu VivaVôlei, de melhor jogadora da partida. Após o fim do confronto, a atacante do Itambé Minas comemorou o grande desempenho do seu time.

“Nosso time vem concentrado durante toda a semana e o time todo contribui para esse Troféu VivaVôlei. Eu conto com uma levantadora muito boa, um passe muito bom e esse prêmio é realmente para a equipe toda. Estamos crescendo, indo em busca de um título, mas estamos buscando melhorar em muitos pontos. Queremos estar nas cabeças”, afirmou Bruna.

A ponteira Gabi foi outro destaque na vitória do Itambé Minas nesta noite. A jogadora marcou 10 pontos e comentou sobre o andamento do jogo de hoje.

“Sabemos que, quando a nossa virada de bola sai bem, o jogo flui. Nos dois primeiros sets conseguimos ser bem agressivos ofensivamente e quando se joga na frente facilita um pouco. No terceiro erramos demais e elas não desistem nunca. Mas, voltamos no quarto com a mesma cabeça dos dois primeiros sets e foi importantíssimo fechar com três pontos”, disse Gabi.

Do lado do Osasco-Audax, a experiente líbero Camila Brait também comentou sobre o desempenho do seu time e o resultado desta sexta-feira.

“Jogamos muito abaixo nos dois primeiros sets e no último. Sabemos que para ganhar do MInas temos que sacar bem e fazer subir bola. O time delas tem grandes jogadoras. Nós jogamos mal e elas tiveram mérito. Nossa reação no terceiro set mostrou o que podemos. Ainda estamos com altos e baixos e precisamos colocar a cabeça no lutar. Agora é estudar e fazer um bom jogo na próxima rodada”, concluiu Brait.

O time mineiro terá uma pausa na Superliga Cimed feminina na próxima semana para a disputa do Campeonato Sul-Americano de clubes, que será realizado na Arena Minas. Pelo campeonato nacional, o Itambé Minas voltará a jogar no dia 26 de fevereiro, contra o Sesc RJ, no Rio de Janeiro (RJ), em partida que terá transmissão do site Globoesporte.com.

Já o Osasco -Audax voltará à quadra pela Superliga Cimed na próxima sexta-feira (22.02), às 21h30, quando receberá também a equipe do Sesc RJ. O clássico entre os grupos paulista e carioca terá transmissão ao vivo do canal SporTV 2.

Fonte: CBV

Posts Relacionados

Taboão da Serra 2 x 2 Barretos – Ex-Corinthians e ex-Palmeiras salvam o Taboão

Alessandro Belcorso

Piloto de Osasco – Danilo Lewis – torna a vencer em Goiás pelo brasileiro de motovelocidade

Alessandro Belcorso

Grêmio Osasco se despede do Paulistão A3 com empate.

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO