17 C
Osasco
26 de setembro de 2021
Variedades

Em clássico, INTZ atropela PaiN e se mantém no CBLoL

Em 2015, os fãs de League of Legends acompanharam uma final emocionante entre PaiN Gaming e INTZ valendo o título de campeã do CBLoL. Três anos depois, as duas equipes voltaram a se enfrentar em uma decisão importante – mas desta vez valendo uma vaga no mesmo campeonato.

Na série melhor de 5 realizada neste domingo (16), a INTZ atropelou a adversária com um 3 a 0 e garantiu sua permanência na elite do League of Legends brasileiro.

O primeiro jogo da série teve completo domínio da INTZ, que soube controlar o mapa e garantir abates e objetivos desde o início da partida. Com rotações inteligentes e mais pressão pelo mapa, os Intrépidos logo tomaram a dianteira e não deram chances para uma reação mais agressiva da PaiN, que se manteve muito passiva e viu sua base ser derrubada perto dos 31 minutos ao placar de 3 a 10.

No segundo jogo, a PaiN apareceu muito mais acordada, mesmo assim não foi capaz de vencer a partida. A INTZ decidiu colocar o jogador Diego “Sephis” Alejandro no lugar do caçador Diego “Shini” Rogê, e a troca deu certo. Mesmo com menos experiência, Sephis fez jogadas importantes para equipe e permitiu que ela conquistasse diversos objetivos como dragões, o Arauto e torres.

(Se o vídeo não abrir, clique AQUI)

A  PaiN ainda conseguiu ótimas teamfights e até ficou com o primeiro Barão do jogo, o que a ajudou a derrubar torres adversárias, mas o melhor posicionamento e controle de mapa da INTZ deram a vantagem para os Intrépidos, que encerraram a partida aos 34 minutos e placar de 12 a 7.

Chegando ao terceiro jogo, a INTZ voltou com Shini, enquanto a PaiN colocou o novato Antonio “Nano” Neto no lugar do suporte Hugo “Dioud” Padioleau. A troca não deu muito certo para a PaiN, e o time voltou a se mostrar passivo e perdido contra a INTZ.

Por sua vez, os Intrépidos aproveitaram a confusão da adversária para abusar de sua composição, controlar e dominar o mapa e, finalmente, conquistar a série com um sonoro 3 a 0.

A vitória garante a permanência da INTZ no CBLoL 2019, enquanto a  PaiN volta ao Circuito Desafiante para a primeira etapa do ano que vem ao lado das também ex-campeãs brasileiras Red Canids e Team oNe.

fonte: Daniel Rigon/ESPN Brasil

Posts Relacionados

Inauguração da Arena Vip Osasco é marcada pelo samba romântico de Ferrugem

Alessandro Belcorso

Pátio Osasco Open Mall presenteia as mães em comemoração ao dia delas

Alessandro Belcorso

Tal cela que liberta?

Leticia Mariana

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/