26.8 C
Osasco
3 de dezembro de 2020
Cidades Educação Osasco

Educação forma alunos da EJA e MOVA

A Secretaria de Educação da Prefeitura de Osasco realizou na quarta-feira, 5, a formatura de alunos da EJA (Educação de Jovens e Adultos) e do MOVA (Movimento de Alfabetização de Adultos). O evento aconteceu no Teatro Municipal Glória Giglio, na Vila Campesina.

Durante a solenidade o prefeito Rogério Lins elogiou o trabalho dos s educadores e ressaltou a importância de cada profissional envolvido com a educação.  “Essa noite é marcada por muita emoção, pois os formandos têm o dom de nos ensinar que nunca é tarde para estudar”.

A EJA é uma modalidade de ensino destinada aos jovens e adultos a partir de 16 anos de idade. O curso corresponde ao 1º segmento do ensino fundamental (1ª à 4ª série) e pode ser completado em três anos. Hoje a EJA e o MOVA atendem aproximadamente 1.300 estudantes, em 27 unidades educacionais e 15 núcleos.

O Secretário de Educação, José Toste Borges, parabenizou os formandos e os incentivou seguir nos estudos. “Vocês deram o primeiro passo, mas ainda há mais por vir. O sonho não pode acabar aqui. É apenas o início de um novo ciclo de muitos saberes”.

Na ocasião, os estudantes discorreram sobre a importância de retomar os estudos. É o caso de José Alexandre Sobrinho, da Emef Dr. Hugo Ribeiro de Almeida. “Um país como o nosso, que considero de primeiro mundo, precisa continuar com ações que combatam o analfabetismo. Hoje conquisto um diploma valioso, pois quando entrei na escola não sabia nem assinar o meu nome. Hoje saio vitorioso, pois aprendi a ler e escrever”, disse.

Também prestigiaram a cerimônia a vice-prefeita Ana Maria Rossi, a secretária adjunta de Educação, Izilda Orlando, a supervisora da EJA, Rutiléa Antunes Amaral, a coordenadora do MOVA, Ana Glória Pinho de Farias, e a diretora de Educação, Alessandra Cornaglia.

Posts Relacionados

Projeto WI-FI Livre de Francisco Morato já soma 146 mil conexões.

Redação

Mais de 69 mil alunos devem receber material e uniforme escolar em Osasco

Redação

Escolas da rede municipal terão reciclagem de óleo com projeto Biodiesel

Alessandro Belcorso

DEIXE UM COMENTÁRIO