15.9 C
Osasco
9 de dezembro de 2021
Esporte Osasco

Convocados para a Seleção Brasileira de Futebol de Amputados treinam em Osasco

Seleção Brasileira de Futebol, esteve em Osasco para um período de treinamentos para as eliminatórias da Copa do Mundo da Turquia.
Osasco recebe treinos da seleção de futebol de amputados. Foto: Redes Sociais/Reprodução

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Esportes, Recreação e Lazer (Serel), promoveu no dia 22/10, na Bela Vista, a recepção dos atletas e da comissão técnica da Seleção Brasileira de Futebol de Amputados, que estão em Osasco para um período de treinamentos para as eliminatórias da Copa do Mundo da Turquia, previstas para iniciar na segunda quinzena de janeiro, no Chile. A equipe já obteve conquistas importantes como o tetracampeonato mundial, o tricampeonato da Copa América, além do título na Copa das Confederações.

O encontro reuniu além dos 19 atletas pré-convocados (4 goleiros e 15 jogadores de linha), o secretário de Esportes de Osasco, Rodolfo Rodrigues Cara, que na ocasião estava representando o prefeito Rogério Lins, o vereador Carmônio Bastos, representando o Legislativo, o presidente da Associação Brasileira de Desportos para Deficientes Físicos – Futebol de Amputados, Rogério Almeida, mais conhecido como Rogerinho R9, o coordenador e o técnico da Seleção Brasileira, Pedro Rocha e Rodrigo Oliveira, respectivamente, a psicóloga da Seleção, Juliana Jacques, o preparador físico Vinícius, o preparador de goleiros, Sérgio Marola, o presidente da Universal Automotiva e um dos patrocinadores do time, André Luís Belforte, a diretora de Orçamento, Suprimento e RH da Serel, Vilma Barbosa da Silva, Júnior Rossi, editor de Esportes do Diário da Região, Alexsandro Bernardes e Diego Custódio, assessores na Câmara, entre outros.

Os treinos realizados nos dias 23 e 24 foram abertos ao público e realizados na Praça 8 de Maio, na Vila Osasco, pela manhã e à tarde. O objetivo foi dar a oportunidade de os munícipes conhecerem essa modalidade e incentivar pessoas que tenham algum tipo de deficiência a encontrar no esporte uma oportunidade de ir além das limitações físicas.

O presidente da Seleção Brasileira de Amputados, Rogério Almeida, atleta e o maior artilheiro mundial com 540 gols, agradeceu a acolhida. “Osasco abriu as portas para nossa seleção e essa acolhida é importante para os nossos atletas. Na primeira reunião o prefeito de imediato se prontificou com nossa causa e estamos muito honrados. Aqui há atletas de várias partes do Brasil em busca de uma oportunidade de representar a nossa seleção nas eliminatórias e esse será nosso desafio, rumo ao mundial! Nossa gratidão ao prefeito e ao secretário de Esportes pelo excelente trabalho que vem realizando na cidade. Esse apoio fará a diferença e vamos nos lembrar disso quando estivermos lá levantando o nosso troféu”, comentou Rogerinho R9

“É uma alegria muito grande tê-los aqui em Osasco. É nossa obrigação estimular e incentivar o futebol de amputados e as práticas esportivas como forma de inclusão, superação e oportunidade, seja em Osasco ou em municípios vizinhos. O esporte de Osasco vem crescendo muito nos últimos anos, temos excelentes atletas e estamos trabalhando para tornar Osasco uma cidade muito mais inclusiva. Temos uma Secretaria Executiva da Pessoa com Deficiência para trabalhar nas políticas públicas e questões de inclusão e acessibilidade, estamos reformando o maior complexo de natação de Osasco, no Km 18, que contará com piscinas para modalidades PCDs, entre outras ações”, ressaltou o secretário de Esporte, Rodolfo Rodrigues Cara.

Paulo Leme, 36, atacante da seleção, joga pelo Sorocaba Futebol de Amputados. Ele veio acompanhado do amigo Fagner, meia do Sorocaba, e está animado. “A expectativa é grande. Estamos treinando forte e preparados, tanto física quanto taticamente”, afirmou.

Paulo sofreu acidente de moto em 2011. Em 2017 ele criou a Associação Sorocaba de Amputado. Descobriu no esporte um novo propósito de vida. “Fui jogador amador do 15 de Piracicaba, joguei handebol de cadeiras de rodas e fez natação, mas foi no futebol que me encontrei. Atualmente também jogo futevôlei e vôlei sentado. Sinto que é uma missão de Deus para minha vida”, destacou.

André Gonçalves, conhecido como Carrião, é do São Paulo Futebol de Amputados. Ser escolhido para as eliminatórias para ele já é uma vitória. “Essa modalidade me tirou da depressão. Em 2013, voltando para casa de moto depois do turno noturno no trabalho me descuidei no volante e sofri um acidente. Estava com esgotamento físico. Não vi nada. Tive lesão no plexo braquial esquerdo. Não aceitava muito bem, fiquei depressivo. Depois do acidente fui morar com minha avó em Mogi e um conhecido me convidou para conhecer a modalidade e me encantei. Estar aqui hoje me enche de alegria. O Futebol de Amputados é uma modalidade de superação. Mesmo diante das dificuldades, acredite nos seus sonhos e nunca desista”, festejou Gonçalves.

Daniel Pala (Ourinhos), e Juninho (Ponte Preta) também estão gratos pela oportunidade da convocação. “Agora é mostrar o que fazemos de melhor e focar na Turquia”, reforçou Juninho, que levou a modalidade para Campinas, e fundou o Ponte Preta Futebol de Amputados, único time da região. “O Futebol de Amputados transformou a minha vida e quero despertar, dar oportunidade, desse esporte para outros jovens”, concluiu.

Posts Relacionados

Família Acolhedora de Osasco promove reunião virtual dia 13/7 para quem deseja ser voluntário

Bruno Schwabenland

Rede municipal retoma aulas presenciais na quarta-feira, 4/8

Bruno Schwabenland

Osasco antecipa vacinação de idosos a partir de 85 anos com Drive Thru na prefeitura 

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/