15.5 C
Osasco
9 de maio de 2021
Esporte

Brasil de Pelotas 1 x 3 Oeste – Rubrão leva a melhor em jogo “estranho”

O primeiro tempo foi marcado pelas contusões graves dos meias Pereira e Wallace Pernambucano

Pelotas, RS, 22 (AFI) – Em um jogo marcado por lances fortes – Pereira e Wallace Pernambucano precisaram deixar o estádio de ambulância -, o Oeste se distanciou da zona de rebaixamento ao vencer o Brasil de Pelotas, por 3 a 1, na tarde deste sábado, no Bento Freitas, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Após encerrar um jejum de quatro jogos sem vitória, o Oeste chegou aos 38 pontos e subiu para a décima colocação, subindo quatro posições. Por outro lado, o Brasil de Pelotas estacionou nos 31 e, em 15º lugar, só não está na zona de rebaixamento porque tem uma vitória a mais (7 contra 6) que o Juventude.

QUE ZICA É ESSA?
Um lance triste aconteceu logo aos quatro minutos. Após cometer falta em Pedrinho, Pereira sofreu uma fratura exposta na canela esquerda e caiu no gramado sentindo muita dor. O camisa 10 do Brasil de Pelotas precisou deixar o estádio de ambulância devido a gravidade da lesão. Wallace Pernambucano entrou em seu lugar.

Como havia apenas uma ambulância no Bento Freitas, a partida ficou paralisada por 20 minutos até o retorno da mesma. O Brasil de Pelotas parece que ficou abalado com a lesão do meia e viu o Oeste abrir o placar aos dez (de bola rolando). Após boa troca de passes, Betinho recebeu dentro da área e chutou rasteiro.

O meia Mazinho fez um dos gols do Oeste na vitória sobre o Brasil de Pelotas neste sábado

ENTROU, SAIU

Na sequência, mais um lance forte. Wallace Pernambucano, que havia entrado no lugar de Pereira, se chocou de cabeça com Patrick, caiu desacordado e também precisou deixar o gramado de ambulância. Dessa vez, o jogo ficou paralisado por 15 minutos.

RUBRÃO AMPLIA

Em busca do empate, o Brasil de Pelotas partiu para cima do Oeste e assustou duas vezes com Michel. Na primeira, a cabeçada parou nas mãos de Tadeu. Depois, a bola saiu com perigo pela linha de fundo. Aos 28, Pedrinho recebeu de Marciel, cruzou rasteiro e Mazinho ampliou para o Rubrão.

Aos 35, o Oeste desceu em velocidade com Mazinho, que deixou para Pedrinho dominar e bater pela linha de fundo. Depois disso, o Brasil de Pelotas ainda tentou diminuir, mas sem sucesso.

UM GOL PARA CADA LADO

No começo do segundo tempo, o Brasil de Pelotas esboçou uma pressão em cima do Oeste, que aproveita os espaços para os contra-ataques. Os dois times, porém, encontravam dificuldades para criar jogadas perigosas. O clima esquentou aos 14 minutos após um bate boca entre Eder Sciola e Conrado.

Aos 18 minutos, Mazinho recebeu nas costas da zaga e bateu na saída de Marcelo Pitol. Rafael Dumas salvou em cima da linha. No rebote, mesmo com o gol aberto, Márcio Vieira chutou para fora. Aos 23, Marciel recebeu de Pedrinho dentro da área e finalizou rasteiro, fazendo o terceiro do Oeste no jogo.

Três minutos depois, Michel soltou a bomba e diminuiu para o Brasil de Pelotas. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar. Depois disso, o jogo se encaminhou para o final sem maiores lances de emoção.

PRÓXIMOS JOGOS
O Brasil de Pelotas volta a campo na próxima terça-feira, contra a Ponte Preta, às 21h30, no Moisés Lucarelli, em Campinas. No sábado, o Oeste recebe o Sampaio Corrêa, às 16h30, na Arena Barueri, em Barueri. Os jogos são válidos pela 29ª rodada.

por Agência Futebol Interior

Posts Relacionados

Acabou? Futebol feminino de Osasco não está inscrito para Campeonato Paulista

Redação

Audax contrata Linyker, filho de Felipe Melo

Bruno Schwabenland

Santos perde para o Flamengo com 2 gols anulados pelo VAR

Jesse Brito

DEIXE UM COMENTÁRIO

https://api.clevernt.com/cde5a1b4-43aa-11eb-9861-cabfa2a5a2de/