18.8 C
Osasco
20 de outubro de 2020
Educação Itapevi

93% da população é contra retorno das aulas presenciais, em Itapevi

Já em Santana de Parnaíba, enquete feita também pela prefeitura aponta 88% dos pais e responsáveis contra. Dados são parciais e votações ainda estão abertas
Foto: Divulgação

A data para o retorno das aulas presenciais no estado de São Paulo ainda não está definida, mas o governo estadual não descarta a possibilidade dos alunos voltarem às escolas no próximo dia 8 de setembro.  Em coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira (3), no Palácio dos Bandeirantes, o secretário da Educação, Rossieli Soares, declarou que a data será divulgada na próxima sexta-feira (7).

Para saber a opinião de pais, alunos, educadores e comunidade em geral sobre o retorno às aulas presenciais, ainda este ano, a prefeitura de Itapevi lançou uma consulta pública online. A pesquisa pode ser acessada pelo site https://consulta.itapevi.sp.gov.br/ e deverá ser respondida até as 23h59, da próxima sexta-feira.

Até a publicação desta matéria o site já apontava 6651 mil respostas. Para a pergunta “Você é favorável à retomada das aulas presenciais em Itapevi ainda em 2020, caso haja a possibilidade?”, 6,9% dos participantes responderam ‘sim’ e 93,1% responderam ‘não’. Para a pergunta: “Na possibilidade de uma volta às aulas presenciais, você enviaria seu(sua) filho(a)?”, 7,4% responderam ‘sim’ e 92,6% responderam ‘não’. O objetivo da pesquisa é ajudar a prefeitura a decidir sobre o retorno das aulas na rede municipal.

Na semana passada, o prefeito de Santana de Parnaíba, Elvis Cezar, lançou em suas redes sociais uma enquete para saber qual é a opinião dos pais e responsáveis dos alunos da cidade sobre o retorno às aulas presenciais. Até essa segunda-feira (3) 12% dos participantes escolheram a opção ‘sim mas parcialmente, com protocolos de saúde e em dias alternados’, mas 88% escolheram a opção ‘não porque ainda não é seguro para alunos, parentes e educadores’.

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, já afirmou que as aulas presenciais só serão retomadas com 100% de segurança. “Assim protegemos nossos 70 mil alunos, nossos profissionais da educação e todas as famílias osasquenses”, explicou em suas redes sociais.

Fonte: Diário da Região

Posts Relacionados

Cidade investirá R$ 30 milhões para combater o coronavírus e fará controle da venda de álcool em gel

Redação

Prefeitura anuncia que aulas presenciais não retornarão neste ano

Redação

Unifieo oferece cursos de Diagnóstico Básico em Psicopedagogia e Plataforma Moodle

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO