24.2 C
Osasco
25 de setembro de 2020
Esporte esportes- Jessé Brito

Em tarde de clássico Palmeiras vence por 2 a 1 o Santos

 

Com gol de pênalti de Luiz Adriano no primeiro tempo, outro de Patric de Paula no segundo tempo e um contra, somente Palmeirenses balançam a rede nesta tarde de domingo no clássico contra o Santos.
Palmeiras 2×1 Santos, Imagem da internet.

Neste domingo, Palmeiras e Santos, se enfrentaram no Morumbi. O jogo começou bem disputado, onde os goleiros não tiveram sossego, foram muitos lances que poderiam ser decisivos em abrir o placar do jogo.

O time do Palmeiras dominou o jogo inclusive com a maior posse de bola em campo, mas quando o Santos chegava levava perigo ao gol do goleiro Weverton.
Com mais uma bela partida do goleiro revelação do time dos Santos João Paulo teve um papel de protagonista no primeiro tempo que impediu que o forte ataque do Palmeiras abrisse o placar fazendo belas defesas no decorrer do primeiro tempo, até os trinta e nove minutos do primeiro tempo ele já tinha três defesas difíceis impedindo o primeiro gol do Palmeiras.
Aos quarenta minutos do primeiro tempo após uma falta marcada a favor do Palmeiras o meio campista do Palmeiras Bruno Henrique cobrou a falta que bateu que bateu na barreira, o árbitro de campo não percebeu, mas o VAR não deixa escapar nada e na revisão do lance as imagens mostraram que o volante Alison, mesmo com o braço colado no corpo, abriu discretamente o cotovelo impedindo a trajetória original da bola, e após o arbitro revisar o lance marcou o pênalti e deu cartão amarelo para o volante do Santos. Na cobrança de pênalti Luis Adriano chutou rasteiro e forte no canto esquerdo do gol de João Paulo marcando o primeiro gol da partida.

O Santos tentou pressionar o Palmeiras em seu campos de defesa, e aos quarenta e oito após próximo a área  do Palmeiras, o uruguaio Carlos Sánchez bateu a falta passando bem próximo da trave.

Com um gol de Luiz Adriano e outro de Patric de Paula, Palmeiras vence o clássico contra o Santos por 2×1. Imagem da internet.

No segundo tempo o Santos começou abafando com pressão em busca do empate, foi quando o jogador que havia acabado de entrar no lugar de Kaio Jorge, Lucas braga, vai pra cima da marcação e sofre falta pelo lado esquerdo, a dois passos da área do Palmeiras, na cobrança de falta Carlos Sanchez cruza a bola na área e o outro jogador que também havia acabado de entrar no lugar de Diego Pituca, Jobson, desvia de cabeção e o meia do Palmeiras Ramirez tentou desviar a bola mas acaba convertendo gol contra o seu próprio patrimônio.

Com a sequencia de jogos e o jogo pegado como é em um clássico, os jogadores que voltaram a jogar a pouco tempo por conta da pandemia tem apresentado contusões, e desta vez aos onze minutos foi a do artilheiro da temporada do Santos levar a Mão a coxa,  Marinho se contundiu e é preocupação para o próximo jogo, em seu lugar entrou Talison.
Aos quatorze minutos o técnico Vanderley Luxemburgo substitui Rony por Willian Bigode, que deixou o ataque do Palmeiras mais objetivo e dois minutos depois Luiz Adriano dominou a bola e cruzou para dentro da área, onde Willian Bigode pula de peixinho quase convertendo no segundo gol do Palmeiras.

Ao decorrer do segundo tempo com boas jogadas do ataque Palmeirense a marcação do Santos foi esquecendo dos meias que chegavam de surpresa na entrada da área, foi então que aos vinte e sete minutos após uma jogada de ataque em profundidade pela esquerda Lucas Lima toca para Willian Bigode que com um belo passe para a entrada da grande área acha Patric de Paula livre para fazer o gol mais belo da partida sem pulo o meia do verdão chutou quase caindo e converteu com um belo chute no canto direito do goleiro João Paulo sem chances de defesa.

Após o segundo gol, o Santos já não tinha a mesma força do começo para chegar com perigo na defesa Palmeirense, mesmo assim o jogo continuou bem disputado no meio de campo mas sem levar perigo de gol aos goleiros.

Aos trinta e minutos, em uma cobrança de escanteio, Madson cabeceia para uma bela defesa do goleiro Weverton impedindo o empate do Peixe.
Aos quarenta e seis minutos o meia santista Alison da um carrinho e chega atrasado em Mayke o juiz deu falta punindo com o cartão amarelo e em seguida com o vermelho.

Na próxima rodada, o Palmeiras enfrentará o Bahia no estádio do Pituaçu, no próximo sábado às 19h00.  O Santos terá outra pedreira pela frente, pega o Flamengo em sua casa, no domingo às 16h00.

O verdão termina a quinta rodada em 4° na tabela enquanto o Santos ficou em 6° colocação da tabela.

Posts Relacionados

Alunos do judô receberam novos quimonos para os treinamentos

Joseane Martins

No sufoco, Paysandu bate Oeste e segue na luta contra o rebaixamento

Alessandro Belcorso

Brasil de Pelotas 1 x 3 Oeste – Rubrão leva a melhor em jogo “estranho”

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO