16.8 C
Osasco
26 de setembro de 2020
Osasco

Prefeitura concede certificado de permissão de uso para entidade

A Prefeitura de Osasco concedeu na terça-feira, 14/7, o certificado de permissão de uso do imóvel a entidade Instituto Caminhos Contra Injustiça, localizado na Rua dos Inconfidentes, s/n – Santo Antônio. O documento autoriza a entidade desenvolver diversos projetos de âmbito social e de apoio à comunidade por um prazo de 5 anos, além da construção no local do prédio de 345m². A entidade atende 5 mil pessoas.

A assinatura ocorreu na sede atual da entidade na Rua Juan Vicente, 482 no Condomínio São Cristovão. Participaram da assinatura do certificado, o secretário de Cultura, Éder Alberto Ramos Máximo, representado o prefeito Rogério Lins, devido ao seu afastamento para coronavírus. Caroline do Amparo Cerqueira, representante da entidade, e alguns parceiros também prestigiaram.

Esse é um reconhecimento da cidade pelo projeto que é desenvolvido por vocês, uma maneira do governo reconhecer a importância das entidades em nossa cidade e do terceiro setor. Uma cidade melhor para nós: justa, igualitária se constrói com todos e todas juntos”, disse Éder. Ele informou que, quando estiver pronto o espaço, levará o projeto Livro Livre (a pessoa leva o livro e, depois que o lê, passa a outra pessoa), que é feito em geladeiras velhas grafitadas, que viram estantes

Caroline Cerqueira disse que a entidade atende 5 mil pessoas por mês, com 62 voluntários, em várias ações sociais. “As minhas mãos já não alcançam mais famílias. Agora, implantar isso no município e com a apoio da Prefeitura, a gente alcança mais famílias”, disse.

Entidade

Fundada em 2014, o Instituto Caminhos Contra Injustiça atua nas áreas jurídica, psicológica, coach motivacional e financeira, além de oferecer ballet infantil, futebol infantil, aula de yoga e ações sociais diversas.

Caroline viu a necessidade de criar a entidade depois de ter passado por problemas pessoais com o sistema prisional. Seu marido foi preso injustamente devido à gravidade e precariedade do sistema. Ela conseguiu enxergar a necessidade de estender a outras famílias que sofrem da mesma situação, dando voz e força que faltam aqueles que não têm informações e conhecimento sobre seus direitos.

Posts Relacionados

Presidente e Vice visitam departamentos da Câmara de Osasco

Alessandro Belcorso

População pode inscrever seu bairro para receber oficina de orquídeas

Redação

Vôlei Osasco-Audax derrota Barueri e garante vice-liderança do Paulista 2018

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO