15.2 C
Osasco
25 de maio de 2020
Osasco Saúde

Qual é a Verdade?

 

Números de vítimas do coronavírus em Osasco divulgados pela prefeitura não condiz com os apresentados pelos cartórios da cidade.

Gráfico extraído do Jornal Giro S/A

 

Quem ganha com as subnotificações? O que está por trás da falta de transparência?

Informações conflitantes levantam dúvidas quanto aos casos de morte associadas ao Covid-19 na cidade de Osasco. De um lado estão os dados registrados em cartório, de outro, os divulgados pela Prefeitura. A diferença, apontada em reportagem do Jornal Giro, assusta e preocupa.

Enquanto a prefeitura de Osasco aponta 89 óbitos associados à Covid-19, o cartório fala em 449 casos, 368 casos a mais.  Esses dados apontam que as subnotificações parecer estar bem longe de representar a realidade e se o número de óbitos não representa a realidade oficial, possivelmente o número de contaminados também não.

Pesquisas apontam que o número de assintomáticos. Recentemente, um estudo realizado pela Chinese Center for Disease Control and Prevention, apontou que a carga viral detectada em um paciente assintomático é semelhante à dos pacientes sintomáticos, potencializando a transmissão. Porque quem não apresenta sintoma pode relaxar nos cuidados e transmitir para outras pessoas.

A distorção de dados preocupa porque inegavelmente a população aparentemente está sendo enganada. A quem interessa não divulgar os dados reais. E não se trata de evitar propagar pânico, mas sim usar os dados reais para orientar adequadamente a população.

Possivelmente as subnotificações favorecem aqueles que procuram mostrar que estão agindo para combater a expansão e que as ações estejam surtindo efeitos, mesmo que especialistas apontem que seja na verdade uma enganação, como a tenda montada no largo e que joga um composto de água sanitária na população. Ou os leitos, com poucos respiradores montados em unidades que deixaram de atender a demanda normal de pacientes.

Quem perde é a população que deixa de ter informação correta e corre o risco de cair em contos da carochinha.

 

Posts Relacionados

Espetáculo Gratuito em Osasco – “Carta 1 – A Infância – Promessa de Mãe”

Redação

Em Osasco, Coronavírus aumentou 91% em apenas uma semana

Redação

AACD Osasco promove Mega Bazar de natal

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO