27.7 C
Osasco
27 de setembro de 2020
Cidades

Soltura de detentos preocupa a população das cidades que pertencem ao CIOESTE

Está sendo cumprido em diferentes partes do Brasil a soltura de detentos que fazem parte do grupo de risco, para não propagar o Covid 19 na população carcerária. Assunto divide tanto especialistas na área jurídica e a população que reside na área de influência do CIOESTE, com o possível aumento da escalada de violência.
Foto: Divulgação PM

 

No Brasil a tendência nesta pandemia é a soltura de pessoas oriundas do sistema carcerário que estão no grupo de risco, embora não seja da competência de cada cidade legislar sobre o assunto, mas leva pânico. Este assunto divide tanto especialistas na área jurídica e a população em geral que reside na região de influência do CIOESTE . Cabe a justiça analisar quem vai ganhar o benefício de cumprir a pena em casa, seria levado apenas em conta do sujeito estar na eminência de ser contaminado ou a tipificação criminal (tráfico de drogas, latrocínio, estupro, homicídio e sequestro). Caso seja colocado detentos com histórico de crimes que ameaçam a ordem pública, os que foram supracitados, porventura não seriam dois motivos de pânico: Covid 19 e a presença de condenados pela justiça.

Poderia ser feito uma reunião de emergência por vídeo (conferência) ou outra forma que se julgar necessário, contando com os secretários municipais de segurança e os órgãos de segurança pública (chefes dos Batalhões da PM do bloco econômico), que cada interno seja monitorado pelo serviço de inteligência, a fim de evitar o aumento na estatística de crime neste momento tão delicado vivido pela sociedade.

Pesquisando no site da Assembleia Legislativa de São Paulo, tem o Delegado Bruno Lima (Osasco), Sargento Neri (Região Oeste da Grande São Paulo) tem como base eleitoral, cidades do consórcio intermunicipal e como estes parlamentares estaduais poderiam apoiar a região para que o índice de crimes não aumente na região.

 

 

Posts Relacionados

Cidades da região poderão receber R$ 220 milhões para combate ao coronavírus

Redação

Prefeitura retoma obras de extensão da Avenida Manuelino do Prado

Redação

Governo de São Paulo entregará adesivos de pedágio para os caminhoneiros

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO