23.9 C
Osasco
14 de agosto de 2020
Esporte

Oeste vence Cruzeiro nos pênaltis e avança na Copinha

Depois de uma partida difícil no tempo regular, Oeste vence o Cruzeiro por 3 a 1 nos pênaltis e agora enfrenta o Avaí pelas oitavas da Copa São Paulo
(Foto: Divulgação)

O Cruzeiro é outro time grande a deixar a Copa São Paulo de Juniores 2020 antecipadamente. Em partida realizada em Barueri, a Raposa enfrentou o Oeste(que jogava em casa) e, depois de um tempo normal sem gols, teve que decidir a vaga na disputa de pênaltis.

Nervoso, os meninos do time mineiro erraram três cobranças e o Oeste garantiu sua vaga para as oitavas de final da competição.Na próxima fase, o time de Barueri enfrenta o Avaí, que mais cedo venceu o Água Santa por 2 a 1, em Diadema.

O Jogo

Desde o início do jogo a proposta do Oeste era clara: se fechar na defesa e segurar o Cruzeiro. Do outro lado, o Cruzeiro começou a partida com paciência, trocando passes e buscando espaços.

Apesar da superioridade, o time mineiro não conseguiu produzir jogadas de expressão no primeiro tempo. A única boa chance veio com Jadsom, arriscando chute de longe e obrigando Márcio a fazer grande defesa.

O Oeste, quando conseguia chegar, também não levava perigo ao gol de Denivys. O time paulista só criou uma boa chance, em chute cruzado de Welliton que foi para fora.

No segundo tempo, o Cruzeiro continuava procurando espaços, mas o Oeste se fechava bem na defesa. A Raposa trabalhava a bola de um lado para o outro, mas não conseguia chegar com perigo ao gol de Márcio.

A partida, então, ficou muito morna e sem chances de gol. A entrada de Riquelmo, na Cruzeiro, até trouxe novo fôlego à equipe mineira, mas, ainda assim, o gol não vinha.

O técnico cruzeirense gastou as substituições para encontrar alternativas em busca do gol, mas nem isso adiantou. No fim, o Rubrão conseguiu segurar a pressão e levar a disputa para os pênaltis.

Nas penalidades, destacaram-se o goleiro Márcio e a falta de pontaria dos cruzeirenses. Primeiro, Pedro Bicalho colocou a cobrança no gol e fez 1 a 0 para o Cruzeiro. Jabá também marcou e empatou o confronto.

Na cobrança seguinte, Alejandro tentou tirar muito do goleiro e mandou para fora. Em seguida, Reifit marcou e fez 2 a 1 para o Oeste.

Jonathan cobrou e parou na defesa do goleiro Márcio. Do outro lado, Devinys também segurou o chute de Kauê.

Thiago, com a chance de empatar, pegou errado na bola e isolou a cobrança.

Em seguida, Wellinton marcou o seu gol, fez 3 a 1 na partida e classificou o Oeste para as oitavas de final da Copa São Paulo.

Campanha

Antes do duelo contra o Cruzeiro, o Oeste venceu a Desportiva Paraense
por 3 a 1 na segunda fase da Copa São Paulo. Na fase de grupos, o Rubrão se classificou em segundo lugar no Grupo 27, com duas vitórias e uma derrota: 6 a 0 no Sergipe, 4 a 0 no Trindade e 1 a 3 contra o próprio Cruzeiro.

Posts Relacionados

Surpresas de ambos os lados na partida entre Atlético Mineiro e Corinthians

Jesse Brito

Secretaria de Esportes e da Juventude abre as inscrições para as atividades esportivas

Alessandro Belcorso

Virada histórica do Vôlei Osasco-Audax empata o playoff em 1 a 1

Alessandro Belcorso

DEIXE UM COMENTÁRIO