25.6 C
Osasco
14 de dezembro de 2019
Araçariguama

Após criticar gestão de Lili, Joca nomeia filho de Aymar

Uma nomeação feita pelo prefeito de Araçariguama, João Batista Júnior, o Joca, que foi publicada em 14 de novembro na IOMA (Imprensa Oficial do Município de Araçariguama) chamou a atenção de quem acompanha a política regional. Joca assumiu como prefeito, após Lili Aymar ter sido afastada do cargo devido a prisão do marido, o ex-prefeito Carlos Aymar, acusado de receber propina.

Ao assumir o posto, Joca afirmou ter se afastado de Lili e Aymar no começo da gestão da ex-prefeita, por não concordar com a postura de governo. Ele disse também que ambos (Lili e Aymar) estão pagando pelas escolhas erradas que fizeram. Porém, passadas algumas semanas, o atual prefeito nomeou como secretário de Cultura o vereador Fábio Bianchi Bechara, conhecido na cidade como Fábio Aymar, que é filho do ex-prefeito Carlos Aymar, levantando boatos de uma reaproximação.

Em outubro, em entrevista ao Giro S/A, Joca revelou que se afastou do governo da ex-prefeita Lili Aymar (PV) por não concordar com as escolhas da gestão. “A Lili e o Aymar estão pagando pelas escolhas que fizeram. Me afastei da administração, logo no começo, por não concordar”, completa.

Joca ainda lembrou que essa é a segunda vez que assume o cargo do prefeito. “Em fevereiro fui empossado quando ela foi afastada pela Câmara e a Lili retornou ao conseguir uma liminar da Justiça. Essa questão desgasta a cidade e a população fica desacreditada. Os empresários desistem de investirem na cidade. Não fico feliz com tudo o que tem acontecido”, garante.

A primeira medida adotada pelo novo prefeito foi demitir os secretários da antiga gestão. “Escolhemos pessoas que tenham a mesma linha de pensamento”, explica.

O prefeito pontuou que o principal desafio será arrumar as finanças e que as dívidas chegam a R$ 20 milhões. “Eles devem para quem entrega água, para o pessoal do lixo, devem para todo mundo, não tem para quem não deva. Para resolver essa questão tenho que enxugar a folha de pagamento, pois, a Prefeitura não pode parar”, promete.

O prefeito foi procurado para comentar o assunto. Ele chegou a atender o telefone, mas disse que estava em reunião e não retornou os contatos feitos ao celular.

Fonte: Vanessa Dainesi(GIRO)

Posts Relacionados

Prefeitura informa que cadastro do projeto habitacional “Habita Cidade” é gratuito e feito somente pelo Município

Joseane Martins

Prefeitura adquire mais uma ambulância e moto para a frota municipal

Joseane Martins

Após chuvas, Prefeitura intensifica manutenção de estradas

Joseane Martins

DEIXE UM COMENTÁRIO