21.7 C
Osasco
8 de julho de 2020
Esporte

Vôlei Osasco-Audax estreia na Superliga em casa, na noite desta terça-feira (12)

Equipe comandada pelo técnico Luizomar recebe o São Cristóvão Saúde/São Caetano a partir das 20h, no ginásio José Liberatti, na primeira rodada da competição nacional

O Vôlei Osasco-Audax inicia sua jornada pelo título da Superliga nesta terça-feira (12). O time comandado pelo técnico Luizomar recebe o São Cristóvão Saúde/São Caetano a partir das 20h, no ginásio José Liberatti, em jogo válido pela primeira rodada da competição nacional. Como em todos os jogos em casa, a expectativa de Jaque, Casanova, Camila Brait, Bia e cia é contar com o apoio dos torcedores que costumam lotar as arquibancadas.

Central Bia

Para estrear com o pé direito na Superliga, Osasco aposta em disciplina tática e foco para ser eficiente na relação bloqueio/defesa e ‘matador’ nos contra-ataques. “Tudo começa com um bom saque. Nós seguimos em uma sequência forte de trabalho para entrosar a equipe e temos a certeza de que as peças se ajustam cada dia mais. Conseguimos formar um grupo equilibrado e unido em busca de um propósito, o de brigar pelo título da Superliga”, garante a central Bia, que completa. “Fazer a estreia na Superliga em casa é bastante positivo, porque temos o fator torcida totalmente a nosso favor.”

A maior novidade desta temporada da Superliga fica por conta dos playoffs. Os duelos de quartas de final, semifinais e finais serão todos disputados em série melhor de três partidas. As finais da competição feminina estão programadas para os dias 14, 18 e 26 de abril. Além do Vôlei Osasco-Audax, estão na disputa os seguintes times: Itambé Minas (MG), Dentil Praia Clube (MG), Sesi Vôlei Bauru (SP), Sesc-RJ, São Paulo/Barueri (SP), Fluminense (RJ), Curitiba Vôlei (PR), Pinheiros (SP) e São Cristóvão Saúde/São Caetano (SP), além de Valinhos (SP) e Flamengo (RJ), que subiram da Superliga B 2019.

 

Jaque, Mara e Casanova no bloqueio

A Superliga 2019/20 estará disponível para os amantes da modalidade através da televisão e da internet. Os jogos serão televisionados pelos canais Sportv e TV Cultura, outra novidade nessa temporada, além do online, através do Canal Vôlei Brasil, da TV NSports, com a transmissão de 150 jogos – aliado a entrada do Pay-Per-View, e do Globoesporte.com. Osasco é o único clube a contar com um canal próprio de TV pela Internet. Na Osasco Vôlei TV (https://osascovoleitv.tvnsports.com.br/), os fãs da equipe encontram conteúdo exclusivo, com bastidores dos treinos e jogos, entrevistas com as atletas, além dos VTs de partidas anteriores.

Fonte: Portal Mais Torcedor (www.portalmaistorcedor.net)

 

Posts Relacionados

Vitória do Osasco Audax/São Cristóvão Saúde entra para as comemorações dos 58 anos da cidade

Redação

Eles ficam ou caem? São os dilemas da profissão!

Alessandro Belcorso

Secretário de Esportes, Carmônio Bastos,teve agenda cheia no final de semana

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO