21.7 C
Osasco
20 de outubro de 2019
Araçariguama

Residencial Vale da Benção tem sua concessão registrada em cartório

Na tarde desta terça-feira (1), a prefeita Lili Aymar, ao lado do secretário de planejamento Paulo Volcov, receberam das mãos de Dinorá Simonetti (presidente da associação de moradores do Residencial Vale da Benção), juntamente com Carolina Ritoni Mateus (representante do cartório de Araçariguama) a concessão registrada em cartório referente ao direito real de uso para as vias de circulação, áreas verdes ou áreas de sistema de lazer, dos loteamentos sob o regime da Lei 6.766 situados dentro do perímetro do núcleo de expansão urbana

A chefe do executivo prevê um avanço positivo no bairro após esta concessão. “Os moradores precisavam desta permissão há muito tempo, e agora tenho certeza de que irá valorizar ainda mais o bairro, além de trazer mais segurança para todos, comentou Lilia Aymar.

O prazo de uso será pelo período de 99 (noventa e nove) anos, no caso de cumprimento das exigências dispostas na Lei Municipal nº 112 de 17 de maio de 1995 e Lei Federal nº 6.766 de 19 de dezembro de 1979.

“Esta concessão é uma conquista para o Residencial Vale da Benção, que irá beneficiar – aproximadamente – 400 moradores, já que foram mais de vinte anos de luta. Já tínhamos a concessão de fato, mas não a de direito. Graças a coragem da nossa prefeita Lili Aymar, hoje possuímos a concessão documentada e registrada em cartório. Isto é uma herança que estamos recebendo e deixaremos para nossos filhos e netos”, finalizou Dinorá Simonetti – presidente da Associação de Moradores do Residencial Vale da Benção.

Posts Relacionados

Prefeitura lança projeto “Frutando” de plantio de árvores frutíferas no entorno de Praças e das escolas do Sistema Municipal de Ensino

Joseane Martins

Prefeitura de Araçariguama sanciona lei que autoriza publicidade no vidro traseiro dos táxis

Jefferson Rolemberg Dias

Prefeitura de Araçariguama entrega nova viatura para a Guarda Civil Municipal

Jefferson Rolemberg Dias

DEIXE UM COMENTÁRIO