21.7 C
Osasco
20 de outubro de 2019
Esporte

Em casa, Osasco vence São Caetano e alcança segunda vitória seguida

Ataque forte de Ellen, maior pontuadora com 18 acertos (João Pires / Fotojump)

O Vôlei Osasco Audax derrotou o São Cristóvão Saúde/São Caetano por 3 sets a 1 e conquistou a segunda vitória seguida no Campeonato Paulista da Divisão Especial. Na noite desta terça-feira (17), com o ginásio José Liberatti recebendo um bom público, a equipe comandada pelo técnico Luizomar de Moura assegurou o resultado positivo com parciais de 25/22, 19/25, 25/19 e 25/20, em 1h47min. A ponteira Ellen foi a maior pontuadora da partida, com 18 acertos.

Mesmo feliz com o resultado, Ellen queria mais.

O técnico Luizomar também se mostrou satisfeito com a segunda vitória em dois jogos, pois ainda está com os desfalques de jogos servindo a seleção brasileira na Copa do Mundo, sendo um total de 8 atletas.

O jogo – Vôlei Osasco Audax e São Cristóvão Saúde/São Caetano fizeram um primeiro set equilibrado. Apesar de se manter na frente do marcador o tempo todo, as comandadas de Luizomar não conseguiram abrir mais que três pontos de vantagem. Até a líbero Kika fez seu pontinho e de recepção, no 14/12. Quando o placar estava em 16/16, Fran desempatou. Embalado, o time da casa fez 20/18 com Ellen, após longo rali. Mas a partida ainda voltaria a ficar igual no 20/20, até o Audax ratificar o favoritismo de mandante e fechar em 25/22.

Osasco voltou desligado para o segundo set, obrigando Luizomar a pedir tempo quando São Caetano fez 6/2. Sua equipe lutava, mas o jogo do adversário encaixava melhor. Tanto, que o treinador foi obrigado a pedir tempo novamente no 9/14. As adversárias chegaram a fazer 22/13, mas as jogadoras osasquenses não se entregaram. Conseguiram diminuir a desvantagem no 17/23, com ace de Vanessa. Com bloqueio de Fran o placar foi para 19/23. Mas a distância ainda era grande e São Caetano conseguiu a vitória por 25/19.

Depois do susto, Osasco colocou a cabeça no lugar e entrou atropelando no terceiro set. Abriu 5/2 e 10/4 com um bloqueio duplo Adriani e Pri Heldes. Com um ace, Adriani fez 16/6. A vantagem manteve em dez pontos até o 19/9, quando as visitantes ameaçaram uma reação. Mas as comandadas de Luizomar mantiveram a calma e não deixaram a vitória escapar. Com o saque machucando o passe de São Caetano e o bloqueio bem posicionado, Osasco fechou em 25/19 para fazer 2 sets a 1.

O quarto set também começou favorável para o Vôlei Osasco, que abriu 6/2 e forçou São Caetano a pedir tempo. Sem tirar o pé do acelerador, as comandadas de Luizomar chegaram rapidamente ao 10/3, quando o treinador adversário parou a partida novamente. Mas quando as visitantes diminuíram a desvantagem para quatro prontos (15/11), foi a vez de Luizomar pedir tempo. Funcionou. Com dois pontos, sendo um ace de Ellen, o time respirou no 17/11. Mas ainda estava longe do fim. Adriani desceu o braço na china para fazer 20/17. Ela ainda arrancou mais um ponto direto do saque no 23/19. O jogo terminou com um erro de São Caetano: 25/20.

O Vôlei Osasco Audax entrou em quadra com com Pri Heldes (3), Fran (13), Vanessa Janke (10), Ellen (18), Karyna (3), Adriani (14) e a líbero Kika. Técnico Luizomar. Entraram: Nikolle, Amanda, Raquel Loff (2).

O São Cristóvão Saúde/São Caetano entrou em quadra com Ana Cristina (2), Natalia (11), Fernanda (5), Domingas (11), Gabriela (10), Sonaly (13) e a líbero Paulina. Técnico: Fernando Gomes. Entraram: Letícia (2), Ju Melo (3), Ana Flávia, Duda (1)

Posts Relacionados

Vôlei Osasco-Audax derrota o Curitiba por 3 a 0 na primeira partida de 2019 pela Superliga

Alessandro Belcorso

Seletiva para as equipes de ginástica – Artística e Rítmica – de Osasco

Alessandro Belcorso

Virada histórica do Vôlei Osasco-Audax empata o playoff em 1 a 1

Alessandro Belcorso

DEIXE UM COMENTÁRIO