21.7 C
Osasco
20 de outubro de 2019
Cidades Osasco

Matilde Coler Torquato foi homenageada em Sessão Solene e recebeu Cartão de Prata

Pastora Matilde Coler Torquato – homenageada pela Câmara de Osasco


Em Sessão Solene realizada na noite desta quinta-feira (16), a Câmara Municipal de Osasco entregou o Cartão de Prata à pastora Matilde Coler Torquato pelo trabalho social que desenvolve há mais de três décadas na cidade.

Em seu discurso, a pastora lembrou da trajetória que a trouxe até Osasco, 43 anos atrás. Nascida em Joinville (SC), ela veio à cidade para realizar um tratamento médico, após o qual converteu-se ao evangelho e estabeleceu residência no município. Atualmente, preside a Igreja Pentecostal Jesus a Nossa Vitória, localizada no Jardim Padroeira I.

Além de oferecer conforto espiritual aos fiéis, a denominação também possui forte atuação beneficente. “A gente faz doações, ajuda aqueles que estão desempregados, com problemas financeiros. Fornecemos cestas básicas, participamos da Campanha do Quilo. O dinheirinho que entra vai pra essas coisas”, conta a religiosa.

Para o jornalista Luiz Antonio Torquato, filho de Matilde, a história da mãe é motivo de orgulho. ”Quem a procurava, ela ajudava. O que ela tinha dentro do armário, ela tirava e ajudava. Então eu cresci vendo essa mulher fazer o bem, ela não media esforços para isso”, comenta.

Cartão de Prata
Criado em 1986, é concedido instituições de reputação ilibada, íntegra e que tenham prestado relevantes serviços ao município. A honraria também é dada a pessoas que tenham contribuído com alguma benfeitoria específica e relevante à cidade. Cada parlamentar tem direito a submeter dois projetos de concessão de Cartão de Prata por ano.

Ricardo Migliorini / CMO.

Posts Relacionados

Cidade recebe neste fim de semana, a quinta edição do Festival Gastronômico – Sabores do Mundo

Alessandro Belcorso

Ainda não sabe o que fazer nesta Páscoa? Aproveite as melhores ofertas e curta o feriadão em SP

Redação

Houve redução de 42% da criminalidade em Santana de Parnaíba

Joyce Araújo

DEIXE UM COMENTÁRIO